Prouni 2024: tudo o que você precisa saber para concorrer a uma das 406 mil bolsas ofertadas pelo programa

Continua após a publicidade...

Você quer estudar em uma universidade privada com bolsa de estudo? Então, não perca a oportunidade de participar do Prouni 2024, o Programa Universidade para Todos, que oferece bolsas integrais e parciais para cursos de graduação e sequenciais de formação específica. O Prouni é destinado aos estudantes que fizeram o Enem 2023 e que atendem aos requisitos de renda e escolaridade.

As inscrições para o Prouni 2024 estão abertas desde o dia 29 de janeiro e vão até o dia 1º de fevereiro, às 23h59 (horário de Brasília). Para se inscrever, você precisa acessar o Portal Único de Acesso ao Ensino Superior, com o seu CPF e a senha do login único do governo federal. Se você ainda não tem uma conta no gov.br, é só criar uma gratuitamente.

Continua após a publicidade...

No portal, você pode escolher até duas opções de curso, instituição, local de oferta, turno, tipo de bolsa e modalidade de concorrência, de acordo com a sua renda familiar bruta mensal per capita e os critérios da Portaria Normativa MEC n. 1, de 2015. Você também precisa informar um e-mail e um telefone válidos, além dos seus dados pessoais e do seu grupo familiar.

O Prouni 2024 terá duas chamadas sucessivas, nos dias 6 e 27 de fevereiro, que serão divulgadas no Portal Único de Acesso. Se você for pré-selecionado, deverá comprovar as informações prestadas na inscrição junto à instituição de ensino, dentro dos prazos estabelecidos. O Prouni também terá uma lista de espera, para a qual você poderá se manifestar entre os dias 2 e 3 de março.

O Prouni é um programa do Ministério da Educação (MEC) que existe desde 2004, pela Lei n. 11.096/2005. Nesta edição, o programa está oferecendo 406.428 bolsas, sendo 308.977 integrais (100%) e 97.451 parciais (50%), em 15.482 cursos, de 1.028 instituições de educação superior privadas. O público-alvo do programa são os estudantes que não possuem diploma de nível superior.

FAQ:

  • Quem pode se inscrever no Prouni 2024?

Podem se inscrever no Prouni 2024 os estudantes que fizeram o Enem 2023 e que obtiveram, no mínimo, 450 pontos na média das notas e nota superior a zero na redação. Além disso, é preciso atender a pelo menos uma das seguintes condições:

  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em escola da rede privada, na condição de bolsista integral;
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede privada, na condição de bolsista integral;
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrando o quadro de pessoal permanente da instituição, e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesses casos, não há requisitos de renda.

Como é calculada a renda familiar bruta mensal per capita?

A renda familiar bruta mensal per capita é calculada somando-se a renda bruta mensal de todos os membros da família e dividindo-se pelo número de pessoas que formam o grupo familiar. Para concorrer às bolsas integrais, a renda familiar bruta mensal per capita não pode exceder um salário mínimo e meio. Para concorrer às bolsas parciais, a renda familiar bruta mensal per capita não pode exceder três salários mínimos.

O que é a modalidade de concorrência do Prouni?

A modalidade de concorrência do Prouni é a forma como o candidato concorre às bolsas ofertadas pelo programa. Existem duas modalidades de concorrência: a ampla concorrência e as ações afirmativas. A ampla concorrência é destinada a todos os candidatos que atendem aos requisitos do Prouni. As ações afirmativas são reservadas aos candidatos que se autodeclararem pretos, pardos ou indígenas, e que tenham cursado o ensino médio completo em escola pública ou em escola privada com bolsa integral.

Como é feita a classificação dos candidatos no Prouni?

A classificação dos candidatos no Prouni é feita de acordo com as notas obtidas no Enem 2023, na ordem decrescente. Em caso de empate, são usados os seguintes critérios de desempate:

  • Maior nota na redação;
  • Maior nota na prova de linguagens, códigos e suas tecnologias;
  • Maior nota na prova de matemática e suas tecnologias;
  • Maior nota na prova de ciências da natureza e suas tecnologias;
  • Maior nota na prova de ciências humanas e suas tecnologias.

Deixe um comentário

Anúncios


0